Propriedades medicinais da echinacea

Propriedades medicinais da echinacea

As echinaceas são plantas herbáceas e perenes, que pertencem à família Asteraceae. O termo echinace vem do grego echino, que significa espinhoso devido ao disco central espinhoso que se encontra na espanha floral.

Todas as echinaceas vêm do leste da América do norte. São plantas tolerantes à seca que pode atingir os 2 metros de altura. Suas folhas são lanceoladas e elípticas de entre 10 e 20 cm de comprimento e entre 1,5 e 10 cm de largura.
Suas flores são roxas, em raras ocasiões são amarelas ou brancas, encontram-se dispostas no produto cônicas.
Entre os benefícios da echinacea temos os oferecidos por três componentes ativos que fortalecem o sistema imune: os antioxidantes, polissacarídeos e alcamidas.

Fortalece o sistema imunitário
Reconhecida por estimular o sistema imune, o seu consumo previne o resfriado comum e alivia a gripe de forma eficaz. A echinacea estimula o nosso sistema imune, fortalecendo-o para lutar contra bactérias e vírus de forma que diminui os sintomas e reduz o tempo de recuperação.
Emprega-Se geralmente ara o tratamento de vírus e infecções internas, no entanto, suas tinturas começam a ser utilizado para o tratamento de feridas e infecções externas.
Contra a gripe
De acordo com pesquisa publicada pela revista científica The Lancet os remédios naturais preparados à base de echinacea reduzem em até 85% as chances de contrair gripe.
Ajuda a curar a gripe com maior rapidez, pois, os sintomas desaparecem em 36 horas antes do que normalmente duraria uma gripe.
De acordo com um estudo da Universidade de Giessen, na Alemanha, a echinacea tem a capacidade de inibir o vírus da gripe A.

RECOMENDADO Para que serve a clorofila líquida tomada?
Para a pele
Outros usos valorizados da echinacea são o alívio de doenças de pele como a psoríase e o eczema. Também alivia a candidíase e herpes.
Afecções da garganta e do nariz
Ajuda a prevenir e tratar a faringite, laringite, sinusite, rinite e alergias que afetam o sistema respiratório.
Outros benefícios:
Combate infecções ocasionadas pelo SARN.
Alivia as dores das cirurgias dentárias durante o pós-operatório.
Previne o câncer.
É anti-alérgica.
É anti-inflamatória.
Efeitos colaterais da echinacea
Ao consumi-la por via oral, geralmente, não provoca efeitos colaterais. Entre seus efeitos colaterais têm erupções cutâneas, anafilaxia e asma.
Para evitar os riscos de sofrer de efeitos colaterais, recomenda-se o uso da echinacea apenas por 6 ou 8 semanas.
As pessoas que sofrem de alergia a plantas da família das margaridas são as mais propensas a sofrer de reacções a equinacea, pelo que devem evitar seu consumo.
Também devem evitar o consumo, aqueles que sofrem de asma ou atopia (predisposição genética sofrer de alergias)
Outro dos efeitos colaterais desta planta são as náuseas e problemas estomacais.
Não se deve consumir se estiver a tomar imunossupressores, reage negativamente ao entrar em contato com estes.

Dose recomendada de echinacea
Pode-Se encontrar a echinacea na forma de sucos, cápsulas, você e tintura. Deve ser tomado por via oral, três vezes ao dia durante 7 dias em uma dose não deve exceder 1000 mg