Para que serve a planta de hortelã?

Para que serve a planta de hortelã?

A hortelã é uma planta herbácea, perene, conhecida como Mentha e que pertence à família das Lamiaceae. Podemos encontrar diferentes espécies e híbridos de hortelã, tais como a hortelã-pimenta ou hortelã poejo.

Os benefícios da hortelã são muito apreciados, isso, juntamente com o seu delicioso sabor a fazem uma das ervas mais apreciadas e distribuídos pelo mundo.
Tem aplicações na culinária e na medicina e distribuído ao redor do mundo em climas temperados e quentes.
A hortelã é uma planta que pode atingir uma altura de 120 cm. Reproduz-Se por rizomas subterrâneos que provocam a invasão dos terrenos próximos, pelo que não é recomendável sembrarla junto a outras plantas.
Componentes de hortelã
A hortelã contém muitas substâncias que proporcionam suas propriedades e benefícios conhecidos:
Ácidos: acético, rosmarínico, isovalérico, citronélico, benzóico, geránico, cafeico, isobutírico, clorogénico e p-coumarico.
Óleo essencial: o Mentol, o anetol, carvacrol, vaillinina e eugenol.
Terpenos.
Taninos
Beta-caroteno
Flavonóides.
Fibra
Vitaminas: B3, B2 e B1
Minerais: Alumínio, cromo, cálcio, cobalto, ferro, fósforo, magnésio, potássio, manganês, selênio, sódio, silício e zinco.
Benefícios da hortelã
Devido ao seu conteúdo rico em vitaminas do complexo B, minerais, taninos e flavonóides, a hortelã conta com os seguintes benefícios:
Para o sistema digestivo
A hortelã é digestiva, evita as flatulência e alivia a indigestão. Graças ao seu conteúdo em ácidos hortelã é antiespasmódica e anti vomitiva. Não devem ultrapassar as doses ou aumentar a utilização, pois pode levar a irritações no estômago.
É ideal para tratar problemas como halitose, doenças intestinais, colite e doença de Crohn.
Para o fígado
Estimula a secreção da bílis do fígado. Neste caso, a melhor hortelã para ativar fígados preguiçosos é a hortelã poejo.
Para as mulheres
A hortelã relaxa e reduz os espasmos provocados pelo período menstrual.
No caso de gripes e doenças respiratórias
A hortelã é uma planta com propriedades antivirais que favorecem:
A expulsão de mucosidades das vias respiratórias.
Controlar a tosse seca e a produtiva, devido às suas propriedades antitusígenas. Neste caso, a hortelã é muito recomendada em casos de asma, faringite, bronquite e pneumonia.
RECOMENDADO Propriedades de chá de orégano
Para melhorar a circulação
A hortelã tem propriedades anticoagulantes que melhoram a circulação e tratar distúrbios associados a este problema como dor de cabeça, pés frios e formigamento. Também pode ser usado para tratar o mal de altura.
Estimulante
Uma infusão de hortelã tem propriedades estimulantes suaves, sem causar sobreexcitação nervosa, como o café ou o chá preto, que levam à insônia ou nervosismo.
É recomendada para as pessoas com altos níveis de estresse que precisam render muito em suas atividades.
Aplicações de hortelã
A hortelã-pimenta não é mais do que uma planta que pertence à família das labiadas. Sua origem se encontra na Ásia Central e o Mediterrâneo. Prefere solos pouco úmidos e sombras meias. Trata-Se de uma planta aromática com diversos usos. Sabe-Se que estimula os sentidos e melhora o humor como chá ajuda a tratar gripes e controlar os soluços.
Um uso comum de hortelã é o de refrescar a boca e combater a halitose ou mau hálito.

O consumo de chá de hortelã depois de uma refeição copiosa ajuda a melhorar a digestão. Os óleos essenciais estimulam o fluxo da bílis, acelerando a digestão. Também acalma os músculos do sistema digestivo, aliviando dores de estômago e cólicas.
O chá de hortelã também é utilizado para aliviar as cólicas menstruais.
São utilizados tanto as folhas secas como frescas. Se se utilizam secas é recomendado apenas usar a terceira parte da dose de folhas frescas. Por exemplo, uma colher de sopa de folhas secas equivale a três folhas frescas.
Pode-Se misturar com laranja, hamamélis, vinagre de maçã e água destilada para preparar uma mistura refrescante para a pele.
A hortelã também serve para preparar elixires orais naturais. Simplesmente é preparar uma infusão muito carregada e sem açúcar de hortelã e é usada para enxaguar a boca após a escovação.
Esta infusão carregada também pode ser usado para tratar queimaduras solares.
O óleo essencial pode ser usado para aliviar a congestão nasal, simplesmente deixa-se ferver em água para que o vapor possa ser sugado.
RECOMENDADO Propriedades terapêuticas do noni e como se prepara
O chá de hortelã permite combater a insônia, recomenda-se consumir antes de dormir.
Para uso externo
A hortelã pode ser aplicada de forma externa, através de preparações e tônicos para tratar:
Reumatismo, dores musculares e dor de cabeça, já que possui propriedades analgésicas que rivalizam com as da aspirina.
Problemas de pele devido às suas propriedades anti-sépticas.
Para as feridas, você pode lavar uma ferida com infusão de hortelã ou óleo de hortelã-pimenta diluído.
Coceira, a hortelã alivia o prurido causado por urticaria. Isso faz de hortelã um grande aliado em caso de picadas de insetos, já que alivia a inflamação e comichão causada por sua picada.
Para lavar os órgãos genitais.
Para as hemorróidas, devido às suas propriedades anti-inflamatórias e adstringentes.
Para dor de garganta.
Contra-indicações de hortelã
Esta erva aromática tem múltiplos usos e benefícios, no entanto, apresenta diversas contra-indicações de hortelã. Não se recomenda que o chá de hortelã seja consumido pro pessoas que sofrem de agruras ou de acidez, isto se deve a que relaxa os músculos do estômago e o esôfago facilitando a passagem do ácido para o esófago, provocando o incêndio.
As mulheres grávidas não devem consumir o chá de menta, este pode relaxar os músculos do útero e provocar um aborto. Também não devem realizar doses do óleo essencial de hortelã-pimenta, pois este tem os mesmos efeitos que a infusão.
Se está consumindo medicamentos é necessário consultar o médico para saber se pode fazer interferência com os princípios ativos do medicamento.
Em algumas pessoas pode provocar desde nervosismo até insônia.
O óleo essencial de hortelã-pimenta pode ser irritante, por isso não deve ser consumido por via interna, mas externa e diluído em água.
Para as pessoas com peles sensíveis, até mesmo o óleo diluído pode provocar bolhas, queimaduras e bolhas na pele.

Em crianças menores de 2 anos pode provocar a morte ou asfixia se é consumido em chás ou aplicado em cremes ou óleos, isso devido a sua ação hipotensora, anti-séptica e depressora cardíaca.